• "O verdadeiro evangelho exalta a Deus... Se camuflado a excelência perderá!"

    A TELA DO PC NÃO É IGREJA




    A TELA DO PC NÃO É IGREJA | ABRAÃO MEDEIROS


    E ai, pessoal? Tudo bem com vocês? Voltei e dessa vez para falar de um assunto que já há algum tempo vem me chamado a atenção e hoje gostaria de compartilhar com vocês. 

    Que a internet revolucionou o mundo, isso é algo que todos nós sabemos. As mudanças que as redes sociais, youtube, e outras tecnologias trouxeram a nossa vida, mudando rotina, forma de pensar e nossos gostos é algo imensurável. Hoje, invés de ligarmos a TV, e assistirmos um chato programa que não gostamos, podemos acessar um vlog que acompanhamos no youtube e assistir o conteúdo que desejarmos, e no momento que quisermos. 

    Mas com todos os benefícios que a WEB trouxe nós temos nossa responsabilidade diante de como usamos essas novas ferramentas. O que falar então da abertura teológica que a internet nos trouxe, algo fantástico e que todo dia agradeço a Deus por isso. Hoje temos acesso a livros grátis em pdf; pregações, estudos e bons vlogs cristãos, (como Dois dedos de Teologia, Voltemos ao Evangelho e do Bispo Walter Macalister). Podemos consumir tudo isso gratuitamente, e claro, isso nos traz edificação e consolidação na Palavra. 

    Porém, existe um problema um pouco chato. E que não é com a benção que tais pregações e livros nos trazem. Mas, exatamente, com as pessoas que tem feito disso o seu meio total de doutrinação, e tem deixado a comunhão dos santos de uma Igreja local, para terem uma vida espiritual baseada na WEB. Esses acabam por cair no erro de pensar, “Mas, meu pastor não prega como o Paul Washer e outros que vejo na net, então não preciso lhe dar ouvidos. Eu posso viver com o que a web me oferece” 

    Não é por seu pastor, ou sua igreja não se parecer com as que você vê na web ou em livros que ela não é bíblica, e isso não lhe dá o direito de deixa-lá, dizendo que ela não é uma benção, trocando-a por uma tela de PC. A Igreja, o Corpo de Cristo, é feito de pessoas que mesmo salvas em Cristo ainda possuem defeitos e limitações em muitas coisas. É o fato de estarmos juntos e vermos que somos desse mesmo jeito, falhos, que nos faz permanecer na congregação e lutar por ela. 

    Talvez isso seja algo que os desigrejados pouco percebem. Na igreja não existem super crentes, mas pessoas falhas, necessitadas de Cristo, e que O buscam. Talvez nosso pastor não pregue como o Pr. Paul Washer, mas observe se ele estuda e procura pregar o melhor sermão para a Glória de Deus. Que a comodidade que podemos ter em sentar na tela do PC, sem nos envolvermos com uma igreja local, nos livrando das “dificuldades” que as outras membros tem, mas isso nos faz mal e não bem. 

    Sim, pode ser que sua igreja local esteja em maus lençóis, com práticas pragmáticas e pregadores sem compromisso, mas até mesmo antes de querer sair de lá, ore. Ore e peça a Deus graça para saber o que fazer. Quem sabe através de você e de outros irmãos, com a ajuda do Espirito Santo, uma mudança pode acontecer. Se achegue mais ao seu pastor e sua liderança, e veja em que pode servi-los. Muitas vezes são pessoas que estão sobrecarregadas e precisam de auxílio. Se suas convicções doutrinárias mudarem, veja bem se ainda não pode continuar lá, e mesmo com as diferenças abençoar e ser abençoado por seus irmãos através de Cristo. Não seja daqueles que saem de uma igreja local por essas questões, e depois escarnece da sua antiga igreja por diferenças teológicas como soteriologia, batismo, fim dos tempos e por ai vai. Seja homem! Já tem meninos em excesso. 

    Entretanto, se for uma igreja persistente em erros doutrinários e estes distorcerem os ensinos basilares das Escrituras (como Trindade, Divindade de Jesus, Ressurreição de Cristo, justificação pela fé somente, dentre outros), o correto a se fazer é procurar uma igreja bíblica e cristocêntrica, sobretudo, como dito anteriormente, em oração, amor e sem destrato e desrespeito a liderança a qual faz parte. 

    Somos chamados a ser parecidos com Cristo. Para que escola melhor do que aprender em uma comunidade local, ao lado de pessoas que amam e desejam a Jesus, como nós? Então, nada se esconder dentro de casa, dizendo que o PC é sua igreja. Venha a realidade, e veja como é gratificante crescer e aprender com outros irmãos e aproveite para por em prática tudo aquilo que você aprende na web, não pensado ser um novo Lutero, tire isso da sua cabeça. Mas querendo glorificar a Cristo acima de todas as coisas. 

    #EuAcreditoNaIgreja 

    "Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus.1 Coríntios 10:31

    Graça e paz galera!

    Abraão Medeiros (Clique Aqui para outro textos do autor).

    0 comentários:

    Postar um comentário