• "O verdadeiro evangelho exalta a Deus... Se camuflado a excelência perderá!"

    O JAPÃO É TAMBÉM UMA MISSÃO



    O JAPÃO É TAMBÉM UMA MISSÃO | Abraão Medeiros


    Seja pela tecnologia, as invenções inusitadas e úteis, ou mesmo devido a infância ter sido recheada por desenhos como Dragon Ball Z, Yu yu Hakusho, Pokemon, ou os mais antigos que assistiam Jiraya e Black Kamen Rider, possivelmente toda pessoa tem uma lembrança, ou uma opinião sobre o povo da terra do Sol Nascente. O nome Japão se tornou um sinônimo de qualidade, honestidade e avanço. 

    Eles saíram da 2° guerra mundial devastados, com cidades destruídas, economia baixa e tendo sofrido um dos maiores atentados, as bombas em Hiroshima e Nagasaki, deixando milhares de mortos e sequelas em pessoas até os dias de hoje. Dia 11 de março de 2015, completaram-se 4 anos da tsunami que destruiu parte do Japão, trazendo mais desesperança e aflição ao coração dos japoneses, e onde os cristãos, que moram no país, puderam mostrar o amor de Cristo e ajudar milhares de pessoas desabrigadas, sem alimentos, sem roupas, desprovidas de tudo. Mas o Japão se resume a isso? Prosperidade, tecnologia, avanço? Pelo contrário.

    O Japão é um país que se encontra dentro da Janela 10/40, parte considerada a menos evangelizada e cristã do mundo. Os japoneses têm como religiões maiores o Xistoísmo e o Budismo, mas o cristianismo continua possuindo um pequeno número entre eles. Viram? Mesmo com a prosperidade e os avanços, o povo japonês continua sendo pobre espiritualmente, continuam necessitados de Cristo e do Evangelho, continuam necessitados da água da vida!

    O Japão está entre os países com os mais altos índices de suicídio. Chegaram a ter um ano com 32 mil suicídios. Boa parte dos jovens diz não ver sentido na vida, e nem se importam com sua própria existência. Ainda nos últimos anos ouve um crescimento dos chamados “hikikomoris”, pessoas que gastam suas vidas em games, animes e coisas do tipo, não trabalham, não estudam e muitas deles passam anos sem ao menos sair de casa. Em meio a toda essa sequidão espiritual, se tem base de 1 missionário para cada 56 mil japoneses. Viu isso? O povo japonês precisa de Cristo!

    Mesmo com todas essas coisas, existem pessoas lá clamando e orando pelo povo japonês. O Número de Cristãos vem crescendo. Mesmo com toda a ligação deles com o budismo e o xintoísmo, japoneses tem vindo a Cristo e confessado o nome do Salvador. Tenho o prazer de poder conversar com pessoas que estão nessa missão, Pr. Laelso Santos, Pr.Luiz Carlos, Pr. Cid Carneiro, Pr. João Nuno, Missionário Eddy Layber, Missionária Ana Kenji, homens e mulheres que têm dedicado suas vidas a pregar o Evangelho a esse povo. Meu desejo é estar lá, com eles, na trincheira, levando o Evangelho aos cativos, por enquanto estou aqui, mas não baixando a guarda em oração.

    Convido a você que mude seu olhar, que ore e clame por obreiros para seara, pois o tempo é chegado e os povos precisam ardentemente de Cristo. Um avivamento pode ocorrer naquela nação, e você pode e deve fazer parte. Ore pela qualificação teológica dos pastores japoneses, por mais obreiros, para que esse avivamento venha ser preenchido com oração e a pregação da Palavra de Deus.

    Soli Deo Gloria!

    イエス様は日本人を愛しています!

    Abraão Medeiros.

    5 comentários:

    1. Nossa Abraão, como faz para ter contato com esses amados lá do Japão q vc cita no texto?

      ResponderExcluir
    2. Também desejo... Amo demais o povo japonês e o meu sonho é fazer a diferença nesse país.

      ResponderExcluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      ResponderExcluir