• "O verdadeiro evangelho exalta a Deus... Se camuflado a excelência perderá!"

    EVANGELISMO NATURAL


    Parte I  |  Parte II  |  Parte III   |  Final

    1. JESUS, O EVANGELISTA


    Dá o modelo daquilo que significa ser humano. Ao seguir suas orientações, nós não apenas nos tornamos semelhante ao próprio Deus, mas a nossa evangelização passará a fluir naturalmente daquilo que somos. 

    2. OS TRÊS TIPOS DE PESSOAS 


    “ Aquela que achamos que somos” 

    “ Aquela que as pessoas pensam que somos” 

    “ Aquela que Deus sabe que somos” 

    3. JESUS,COMO UM DE NÓS 


    “ Como o Pai mim enviou ao mundo, assim também Eu vos envio” Jo.17.18 

    Como foi que o Pai enviou Jesus? 

    Essencialmente tornando-se um de nós. O Verbo se fez carne, Jo.1.14 Deus não nos mandou um telegrama. Não fez chover livros de estudos bíblicos. Nem adesivos com frases “Jesus te ama”. Ele mandou um homem, seu filho, para anunciar o evangelho. Sua estratégia não mudou, Ele continua enviando homens e mulheres. “Toda autoridade mim foi dada nos céus e na terra. Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai do Filho e do Espírito Santo; ensinando-os a guarda todas as coisas que Eu vós tenho ordenado...” Mt.28.19,20. 

    4. JESUS, MODÉLO DE RELACIONAMENTO 


    Jesus é o modelo de abertura e identificação. 

    Jesus era um homem notavelmente aberto. Ele não achava que compartilhar suas necessidades físicas era algo não espiritual (Jo.4.7). 

    Não achava que, ao revelar a seus discípulos o seu estresse no Getsêmani, seu testemunho pudesse ser prejudicado (Mc.14.32,34). 

    5. JESUS, O MODÉLO DE PIEDADE GENUÍNA 


    Podemos vê-lo pedindo ajuda e desejando que outros ministrassem a Ele. 

    Portanto precisamos aprender a nos relacionar de modo genuíno e transparente com os outros. 

    6. JESUS, MODÉLO DE OBEDIÊNCIA 


    Jesus nos manda ir e pregar e não pregar e correr. Não podemos ficar gritando sobre o evangelho de uma distância segura, e continuar isolados. Precisamos mostrar as pessoas que nós também rimos, choramos e nos machucamos. Se Jesus deixou o céu e toda sua glória, para se tornar um de nós e evangelizar a nós. 

    Não poderíamos deixar nosso comodismo para evangelizar a uma vida? 

    6.1. O QUE SIGNIFICA SER ESPIRITUAL? 


    Achamos que é mais espiritual levar nosso amigo não-cristão a um estudo bíblico ou à igreja, em vez de ir jogar futebol com ele ou sair para comer uma pizza. Se não entendemos o nosso ponto de contato natural com o mundo, não podemos entender o nosso ponto de contato natural com o próprio Deus. 

    Não podemos limitar a presença de Deus em nossas vidas apenas aos momentos de estudo bíblicos e aos cultos. Ele criou a vida e deseja ser glorificado em todos os aspectos dela. Sua presença e poder vão chacoalhar o mundo quando permitirmos que Ele esteja presente em todas as atividades de nossa vida. 

    6.2. COMO PODEMOS NOS RELACIONAR COM AS PESSOAS DE UM MODO QUE TRANSFORME O MUNDO? 


    Jesus fez isso de duas maneiras: 

    1. Através de sua forte identificação com os homens. 

    2. E sendo radicalmente diferente deles. 

    Quando as pessoas descobrem a profunda humanidade de Jesus, começam a reconhecer sua divindade.


    Parte I  |  Parte II  |  Parte III   |  Final


    0 comentários:

    Postar um comentário