• "O verdadeiro evangelho exalta a Deus... Se camuflado a excelência perderá!"

    A DOENÇA DO PECADO - por Sandra Botelho


    Venho compartilhar com vocês um texto maravilhoso, que fala sobre o Pecado! Vale a pena ler! Escrito por uma mulher de Deus, muito sábia, pastora e psicóloga, Sandra Botelho, membro da Igreja do Nazareno Bonfim em Campinas/SP. Tive a honra de conhecê-la pessoalmente e de acompanhar algumas ministrações suas. É com muito carinho que compartilho este texto com vocês! Fiquem com Deus, Mayara Arruda.

    A DOENÇA DO PECADO
    Por que as pessoas sofrem?
    Há um sofrimento que acomete pessoas por uma doença chamada pecado.
    O pecado maltrata o homem, o faz andar encurvado. A Bíblia tem um remédio para isso, pena que não é seguido: "Pois quem quer amar a vida e ver dias felizes refreie a língua do mal e evite que os seus lábios falem dolosamente; aparte-se do mal, pratique o que é bom, busque a paz e empenhe-se por alcançá-la”.
    Uma pessoa que faz terapia com alguém que não é cristão de verdade pode ficar anos tratando do seu mal de forma errada, pois estará tratando como doença aquilo que é pecado.

    A Bíblia nos ensina em Tg.1:20 que “a ira do homem não produz a justiça de Deus.”, mas, infelizmente, muitos cristãos hoje são cercados por pessoas que se dizem cristãs, participam de igrejas (e vão pulando de igreja em igreja), alcançam cargos na igreja, mas com a intenção de destruí-las e destruir a paz das ovelhas mais fracas.
    São pessoas más com intenções malignas e, essas pessoas as convidam para orar, estudar a Bíblia e depois “soltar a língua falando mal de irmãos e, pior ainda, de pastores”. Que tipo de vida uma pessoa que participa disso terá? De bênção ou de maldição? Leia a Bíblia, veja o que ela fala.
    Uma vida de dores, sofrimento, pânicos, choro, mágoas, vaidades, domínios.
    Uma pessoa assim sobe no pedestal do seu direito e não muda, não se arrepende, não reconhece seu erro, não para de falar mal, não refreia a sua língua, não é perdoada porque não pede perdão, sorri na frente e fala mal por trás.

    Que conselhos eu dou a uma pessoa assim?
    1 – Avalie quem está influenciando a sua vida. Afaste-se de quem te chama em casa com aparentes bons motivos, mas te enche a cabeça de coisas ruins, te envenena, te faz sofrer e te leva a falar coisas que claramente ela não tem coragem de falar. Você está sendo usada por espíritos enganadores.
    2 – Arrependa-se do que anda praticando errado. Do que anda falando, de quem você anda envenenando. Arrependa-se e confesse. Das mentiras (coisas que você não viu, mas que te contaram) que você espalha como verdades por raiva.
    3 – Mude de vida. Reconheça que tanto tempo e tanta confusão em sua vida só podem ser resultado de você mesma. É impossível que em todo o lugar que você vá o mundo conspire contra você. É hora de parar, para assumir os seus erros.
    “Enquanto calei os meus pecados, envelheceram os meus ossos pelos meus constantes gemidos todo o dia... Porque a tua mão pesava dia e noite sobre mim, e o meu vigor se tornou em sequidão de estio. Confessei-te o meu pecado e a minha iniquidade não mais ocultei.”

     PECADO NÃO É CURADO NEM COM TERAPIA NEM COM REMÉDIOS.

    Texto de Sandra Botelho

    0 comentários:

    Postar um comentário