• "O verdadeiro evangelho exalta a Deus... Se camuflado a excelência perderá!"

    MEU ALVO É O CÉU - por Flauber Menezes


    Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens.” (1 Coríntios 15.19).
    Na caminhada cristã o principal alvo é o “céu”. Não podemos nos embaraçar com as belezas desta vida, nem tampouco com seus entraves. Nossa caminhada deve ser pautada na fé e obediência às Sagradas Escrituras, as quais nos revelam que nossa verdadeira morada é a celestial.

    O sistema da sociedade contemporânea se baseia no regime capitalista, na maior produção de bens, maior arrecadação de valores, tornando a massa prisioneira do consumismo, e todo esse conjunto gera nas pessoas (inclusive nos cristãos) o sentimento de competitividade que, por sua vez, desvia todo o foco para o materialismo, aguçando os cuidados com as coisas seculares. No entanto, no meio do povo de Deus não deve ser assim, pois o Senhor cuida dos seus e nos ensina que a prioridade da vida cristã deve ser o Reino de Deus(Mateus 6.33) “Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.”.

    A cada dia somos tentados a agir por nossa própria vontade na intenção de angariar bens aqui na terra, porém, à luz da Bíblia, sabemos que nossa pátria não é aqui.

    Sejamos cuidadosos e vigilantes ao sermos seduzidos pelas dádivas de Deus, não colocá-las acima do próprio Deus. Não nos contentemos com o pouco que esta vida tem a nos oferecer, pois o que Deus tem preparado de melhor para nós está no céu e é eterno.

    Munidos dessa conscientização caminhemos procurando fazer a diferença em meio a uma geração consumista e corrupta, e assim se destacando como “luz”.
    Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas; Para que sejais irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis, no meio de uma geração corrompida e perversa, entre a qual resplandeceis como astros no mundo.”. (Filipenses 2.14-15)

    Confia no Senhor e ora!


    Pr. Flauber Menezes.


    0 comentários:

    Postar um comentário